Quando o ciúme vira doença? Conheça os sintomas

0
26

Quem nunca gostou de ver o outro tendo aquele pequeno ataque de ciúme?

Quando prezamos e amamos demais alguém, é natural sentir ciúmes. Esse sentimento bem controlado pode demonstrar o quanto amamos alguém e fazer muito bem ao relacionamento.

Porém, o ciúme descontrolado é algo que necessita de muita atenção, é considerado doença, existe tratamento e já acabou com muitos relacionamentos.

A Psicóloga comportamental Marina Fernanda Coelho diz que a doença é tratada na maioria dos casos, como natural, e isso pode desencadear muitos problemas psicológicos e levar até o suicídio.

“Quem tem esse problema terá dificuldade de entender, que por causa desse ciúme doentio seu relacionamento acabará, e como a auto-estima está totalmente ligada à esses sintomas, isso pode ter graves consequências.” disse Marina.

Segundo estatísticas, o ciúme é culpado pelo fim de 78% dos relacionamentos, e esses finais tendem à ser agressivos e deixar sequelas para ambos lados.

A rede social hoje é a grande culpada por ataques de ciúmes, mas até onde devemos nos privar para manter um relacionamento?

Partindo que a confiança é a base de qualquer relacionamento, não haveria nenhuma necessidade de ver aquela curtida na foto do namorado ou marido. Contudo, tudo há limites, a falta de respeito não entra nessa linha de raciocínio, mas quando se trata de doença, qualquer visita no perfil social de alguém, pode ser motivo para muita briga.

O ciúme na maioria das vezes são motivados pela imaginação, e é comum que essa “imaginação” fuja totalmente da realidade.

Mas como evitar esse ciúme doentio?

Segundo a psicóloga entrevistada, o ciúme está ligado há alguns fatores, e deles o mais importante é a auto-estima.

Quando confiamos no outro e principalmente em nós, confiamos no relacionamento, o ciúme acaba sendo algo incoerente.

É preciso tratar isso, procurar ver os limites do seu sentimento, e caso isso tenha saído do controle e esteja te prejudicando, é preciso sim procurar ajuda especializada.

“Existe hoje diversos tratamentos de terapia para o ciúme, não é difícil resolver. O difícil mesmo é a pessoa se dar conta que isso não é normal”

Afinal, como saber quando o ciúme virou doença?

A especialista coloca em três pontos:

  1. Quando o sentimento de raiva daquela determinada situação se torna incontrolável, algo que te tire da razão e pontualmente ter reações agressivas

2. Quando deixa de curtir um lugar ou momento, para verificar se alguém está olhando para a sua namorada ou namorado.

3. Quando você se sente incomodada com momentos normais, mas que não estão sob seu controle, ou seja, quando a outra pessoa está fazendo alguma atividade que você não pode participar.

 

Se está passando por isso, esqueça que isso é normal. Você precisa de um tratamento, e é muito mais comum do que imaginamos, segundo Marina, uma grande parte das pessoas hoje que vem procurar o consultório para tratamento, são vítimas da doença do ciúme.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.