Mulher vítima de assalto, se apaixona e casa com assaltante

0
72

 

Histórias de amor não tem uma uniformidade, não se tornam especiais por acaso, e a diversidade de formas de encontros, é o que deixa ainda mais especial.

Contudo, no meio de tanta diversidade, encontramos algumas que fogem da normalidade, e seu fim, não tem absolutamente nada com o inicio.

É comum encontrarmos histórias de pessoas, que demonstram apenas seus lados positivos no inicio, e quando casam ou assumem um relacionamento mais fixo, se tornam pessoas terríveis, e que difere de tudo que mostraram. Mas e ao contrário?!

 

Foi isso que aconteceu em São Paulo, neste ponto de ônibus.

Lourdes Maria, 31 anos, em setembro de 2017, estava no ponto indo para o trabalho, como era de costume, e foi surpreendida por homem que lhe abordou e pediu sua bolsa imediatamente, anunciando o assalto.

Maria, não exitou, entregou ao assaltante, que saiu correndo.

Roubaram tudo que continha dentro, seu celular, sua carteira com dinheiro, seus documentos e um “book” de fotos, que tinha feito à pedido de uma agência de modelo.

Porém, a história não acabava ai, pelo contrário, iniciaria algo que ela não podia imaginar.

Alguns dias depois, recebeu uma carta, que dizia:

“Olá, meu nome é João, lhe assaltei há alguns dias, contudo, aconteceu algo que eu não imaginava, quando vi seu book, me apaixonei, e me arrependi do meu ato. Gostaria de lhe devolver, está tudo intocado e em segurança, peço apenas para que possa ficar com uma foto sua, meu número de telefone é xxxxxxxxxx, só me mandar uma mensagem e mando entregar no mesmo dia para você” escreveu o rapaz.

“Num primeiro momento fiquei assutada, depois achei que era brincadeira de alguém que ficara sabendo do acontecido, mas resolvi mandar a mensagem pro número” disse a vítima do assalto.

Maria mandou a mensagem para o número, o rapaz mandou devolver todos seus pertences, porém, iniciou ali por meio de mensagens, uma aproximação com o assaltante, até que ela se rendeu e aceitou sair com o rapaz.

“Tudo bem que tinha me assaltado, eu achei estranho a situação, mas acima de tudo, acredito na mudança das pessoas, fora que ele é um gato” finalizou.

A partir dai, foi um pulo para o casamento, e hoje estão juntos, casados, planejam ter um filho, e o rapaz começou a trabalhar em uma oficina mecânica.

“Eu sempre ouvia falar que o amor muda a gente, mas jamais achei que aconteceria dessa maneira. Hoje sou uma nova pessoa, me arrependo de todos meus atos, e por ela, faço tudo”. João Souza dos Santos.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.