Mulher fica 30 minutos sem reclamar e é considerada morta

0
284

José Almeida, de 39 anos está com sua mulher em estado grave de Alzheimer.

A doença de Alzheimer é uma demência, não existe cura, piora com o passar dos dias, levando o paciente a morte.

O homem dizia que suas demasiadas reclamações era devido a doença e que ao parar de reclamar, considerou sua morte.

“Como já estávamos esperando, devido ao seu estado, considerei sua morte após os 30 minutos sem reclamar”.

Contudo, ao chegar os médicos, notaram que ainda havia batimento, levaram-na para o hospital, onde passou por todos os testes e foi liberada.

“Ficamos felizes por ainda ter um tempo conosco, ela já voltou a reclamar” disse Seu José.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.